Para quem não sabe, a dependência do álcool, também conhecida como alcoolismo, é um vício que se apodera do organismo de forma bem traiçoeira, sem mandar recado. Geralmente é precedida pela chamada “bebedeira” ocasional que, gradualmente, vai se tornando mais pesada e agressiva, até o ponto em que se perde o controle sobre o consumo das bebidas alcoólicas.

Ao contrário do que pode parecer, a dependência do álcool não se constitui em ausência de força de vontade ou defeito de caráter, mas em perda inconsciente do controle de abstenção de álcool, com consequências psicológicas, fisiológicas e sociais por vezes muito dolorosas e trágicas.

Mas com auxílio da METAHIPNOSE e o recurso da hipnose Ericksoniana como ferramenta para a quebra deste ciclo, é possível erradicar de vez a dependência do álcool e recuperar o bem-estar.

As estatísticas sobre alcoolismo no Brasil são preocupantes.

O consumo de bebidas alcoólicas por brasileiros acima de 16 anos cresceu assustadoramente, segundo dados da Organização Mundial da Saúde. Nos últimos 10 anos, o consumo anual de bebidas alcoólicas, que era em média 6,3 litros por pessoa, saltou para 8,8 litros. Um significativo e infeliz aumento de 40%. E se considerarmos que a média mundial é de 6,5 litros por pessoa, os índices são ainda mais gritantes. O vício em álcool afeta cerca de 14% da população masculina, em comparação aos 5% da população feminina. Estima-se que mais de 3 milhões de pessoas morram todos os anos devido ao uso nocivo do álcool.

Quando o álcool assume o controle e cria a dependência.

A longo prazo, o possível dependente se acostuma ao álcool e desenvolve uma demanda de consumo cada vez maior, para que os efeitos desejados sejam satisfeitos, até que o ato de consumir bebida alcoólica não se trate mais de obter algum prazer ou recompensa, mas sim uma necessidade fisiológica. Uma vez instalado o vício, o desejo incontrolado de beber se torna constante e a falta do álcool no organismo acaba por acarretar síndromes de abstinência e causar agitação, taquicardia, ansiedade, sudorese, tremores, febre e até ataques epiléticos, que podem ser fatais.

Mas, o que realmente leva uma pessoa a recorrer ao álcool?

Começar a beber pode acontecer devido a inúmeras razões, tais como: problemas em família, lidar com uma perda, alívio do estresse, fuga da realidade, ansiedade, vergonha, desconforto social, algum tipo de trauma, entre outras.

Os sinais mais comuns de alcoolismo se manifestam quando é possível perceber a dificuldade em controlar o consumo de álcool, o forte desejo de consumir quando não se está bebendo, colocar o álcool acima das responsabilidades pessoais, a necessidade de continuar bebendo sem limites, os gastos descontrolados de dinheiro com bebidas alcoólicas, comportamentos inadequados após o consumo.

Algumas consequências a curto prazo que o abuso de álcool podem acarretar são: atividade cerebral reduzida, reflexos prejudicados, lentidão no tempo de reação, inquietação, dificuldade para respirar.

Como a METAHIPNOSE vai trabalhar a seu favor e acabar com a dependência do álcool.

A METAHIPNOSE age nas configurações mentais responsáveis pelo comportamento automático que é ditado pelo seu subconsciente, controlando ações compulsivas como o desejo de consumir bebidas alcoólicas. Por meio de programas criados com base em hipnose indireta e percepção subliminar, a lógica por trás desse desejo nocivo é bloqueada e destruída, fazendo com que comportamentos indesejados sejam substituídos por benéficos. A METAHIPNOSE faz o seu subconsciente recuperar a autoestima e adquirir qualidade de vida. Tudo de forma simples e prática, acessando a plataforma do METAHIPNOSE quando e como quiser, pelo computador, notebook, tablet ou celular.

Diga adeus à dependência do álcool através da METAHIPNOSE navegando agora mesmo por Metahipnose.com

COMPARTILHE
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter

Conteúdo do Artigo

Fechar Menu
QUERO TESTAR POR 7 DIAS GRÁTIS